sexta-feira, 3 de junho de 2011

Tu és Fiel, Senhor!

Tu és Fiel, Senhor!
Tu és Fiel, Senhor!...

A alguns dias, eu ouvi um CD de Marcos Vidal (em espanhol) em meu computador que ouvi apenas uma ou duas vezes, mas nunca todas as músicas... Desta vez ouvi todas as faixas, quando prestei atenção na canção "Oh, Tu Fidelidad".
Me encantei com ela. Pena que ela é curtinha (pelo menos nesse álbum). E ela ficou na minha cabeça quase a semana toda. Tive vontade de cantá-la na igreja, mas não tive tempo de ensaiar nem sozinho nem acompanhado. Bom, mas o ponto a que eu quero chegar é  mesmo o significado da canção: A fidelidade de Deus.

É maravilhoso contemplar a fidelidade do Senhor para conosco. Somos falhos, somos teimosos, e tantas outras coisas, mas mesmo assim, o Deus continua sendo fiel a nós. O amor Dele não depende de nós - e muito menos das nossas ações. (Apesar de eu achar que algumas de nossas ações contribuem para um derramar mais intenso das bênçãos de Deus sobre nós). 

Por algumas vezes, o desânimo bateu em mim e pensei em desistir de tudo, pois eu tive dificuldades de me perdoar. Pensava comigo: "Tá bem, Deus me perdoou, mas eu vou continuar do mesmo jeito. Ele me perdoou da outra vez e eu fiz tudo errado de novo. Não tem jeito..." Porém, Ele continuou sendo fiel a mim. Eu tirei esses pensamentos da minha mente, e segui em diante. Mesmo tendo falhado, pedido perdão, falhado de novo, pedido perdão, falhado mais uma vez... o Senhor continuou demonstrando para mim que Ele está comigo, mesmo eu errando. (Não estou dizendo aqui que podemos pensar que só porque Ele perdoa, podemos cair no erro. Mas Ele nos oferece chance de recomeço se realmente nos arrependemos).

Talvez seja difícil para nós pensarmos na questão da Graça e Misericórdia de Deus. A bíblia nos diz que as misericórdias do Senhor não têm fim. E nós, às vezes, pensamos tão pequeno ao achar que se errarmos uma vez, está tudo acabado. Ou que Jesus não irá mais nos abençoar pelo erro que cometemos... É preciso entender que a questão é literalmente entendida assim como está escrito: "As misericórdias do Senhor não têm fim" e pronto! Se nos arrependermos, o Senhor usa de Sua misericórdia para nos perdoar e nos dá a mão para levantarmos de onde caímos.

E é tão bom - e talvez constrangedor - ver o Senhor continuar operando em nossas vidas dia após dia. Em coisas pequenas, como o simples fato de termos algo para comer, ou de termos saúde para trabalhar, ou em coisas maiores como estar com dor de garganta nos dias anteriores a uma festa de inauguração da sua igreja e você ser parte do louvor e de repente, não sentir mais nada; ou somado a tudo isso, ter um começo de dor de dente que some algumas horas antes desta festa...

Deus é maravilhoso e o Seu amor incondicional nos constrange. Por que? Porque não entendemos como alguém pode continuar amando seres como nós. Devemos simplesmente aceitar esse amor e seguir em frente, mesmo que seja difícil acertar. Mas temos que continuar tentando pois Aquele que começou uma boa obra, é Fiel para cumpri-la. Ou seja, as nossas falhas serão eliminadas ao decorrer de nossas vidas quando deixamos o Senhor trabalhar em nós. Basta colocar tudo nas mãos Dele.

Tu és Fiel, Senhor!

"Senhor Jesus, obrigado por me dar a oportunidade de entender essa mensagem tão maravilhosa. Obrigado pela oportunidade de poder compartilhá-la com as pessoas. Te agradeço pela Tua misericórdia para comigo, um ser tão falho e tão dependente do Senhor. Te peço que abençoe as pessoas que estão lendo esta mensagem. Que elas possam abrir seus corações e deixar o Senhor trabalhar, eliminando delas as falhas que as afastam de Ti. Te peço que nos dê paz em nossos corações afim de que confiemos no Teu agir em nós até que estejamos prontos para sermos levados para estar Contigo. Amém."